[Resenha/Filme] Star Trek

Star Trek

Título original: Star Trek

Ano: 2009

Diretor: J. J. Abrams

Tempo de filme: 127 min.

Depois de muito relutar, decidi assistir a Star Trek, filme de 2009 de um dos maiores ícones cult/nerd de todos os tempos. Se formos falar das origens da série, retornaremos à década de 60, com um seriado que hoje soaria cômico, pela falta de efeitos e até mesmo orçamento.

Como não sou fã de Star Trek em hipótese alguma, por nunca ter visto nenhum episódio ou filme, não posso falar sobre nada disso. Meu conhecimento antes de assistir ao filme de J. J. Abrams se limitava a saber que os nomes Spock e SS Enterprise faziam parte da série. Todo o resto era mistério.

Então nada melhor do que aproveitar as indicações de vários amigos e assistir ao filme estrelado por Chris Pine e Zachary Quinto, nas peles de Kirk e Spock, respectivamente. O filme serve como um início (eu nem sei se é remake, se é uma releitura da série original, se é algo bem fiel, nem nada) para tudo, então foi um prato cheio.

Scene-from-Star-Trek-2009-001

O filme apresenta conceitos de viagem no espaço e no tempo e consegue executar isso de forma muito boa e fluída. O filme tem pouco mais de duas horas de duração, mas elas passam bastante rápidas, devido ao bom ritmo empregado, sem muito lenga lenga. É um filme de ação, com um pouco de humor, essencialmente.

E isso o torna bastante divertido de ser assistido. As situações são bacanas e o enredo, apesar de (obviamente) previsível, consegue prender por algumas surpresas e também por criar um bom elo de ligação entre o espectador e seus personagens, especialmente porque Kirk e Spock são deveras diferentes, e é aí que entra a boa mitologia apresentada logo no início do filme.

Por ser um filme com temas espaciais, existem extraterrestres. Spock não é humano… na verdade, é meio humano, meio vulcan. Foi criado inteiramente no planeta Vulcan, afastado da Terra, tendo contato apenas com sua mãe terráquea. Os residentes desse planeta são completamente avessos às emoções e sentimentos, driblando-os através do uso da lógica excessiva. Por isso, são superinteligentes e são inexpressivos, por assim dizer.

Se Spock é um ser inexpressivo, Kirk é o contrário: extremamente humano, irritadiço, emocional. Bem, não há muito o que falar, ele é basicamente um clichê do herói que deixa a razão de lado e salva o dia. Mas isso nem é uma crítica negativa, afinal, bons filmes são feitos ao redor de um personagem assim, e o motivo de terem sucesso é criar todo um universo interessante à sua volta, boas cenas e um bom ritmo. Não se pode esperar tanto mais de filmes de ação, penso eu.

Spock e Kirk

Spock e Kirk

Uma das minhas reclamações para com o filme é o vilão, Nero. Sinceramente, não gostei dele. Suas ações são até bacanas e tudo mais, mas é um personagem sem graça, bobo, com uns objetivos bobos também. Pura vingança, mas é uma vingança bastante ilógica… talvez eu esteja pensando muito como o Spock.

Abrams dirigiu bem o filme, que possui belos efeitos e visuais muito decentes, principalmente por criar naves, máquinas e muito mais que o ser humano (ainda) não viu (e talvez jamais veja). Uma coisa bastante diferente que notei foi a iluminação, que está sempre com um efeito refletor na câmera. Bem diferente, mas é algo bacana, que dá uma característica própria ao filme, além de dar uma impressão a mais de sci-fi.

A trilha sonora do filme também é muito boa, com músicas épicas e grandiosas orquestradas, com direito a coros e muito mais. Definitivamente uma trilha sonora que vale a pena comprar.

Enfim, Star Trek é um filme para se assistir comendo uma pipoca e curtindo a vibe. O filme é muito bom e vale a pena, recomendadíssimo para fãs de ficção científica e ação, com um enredo bem construído, principalmente em relação às viagens temporais (o que, se não for bem usado, pode ser catastrófico), além de ter uma moral bonita sobre amizade no fundo.

Nota: 4 estrelas (em um total de 5)

Advertisements

About Neto

Formado em História em 2011 pela UNESP Franca.

Posted on December 22, 2012, in Resenhas and tagged , , , . Bookmark the permalink. 2 Comments.

  1. Eu gosto desse tema espacial e tudo mais, e esse filme me agradou demais!
    até mais q Star Wars!
    e Cara, tu descreveu muito bem o filme, ficou muito bom!

    Super Recomendo!

    • Valeu, Douglas!

      Vc foi o primeiro a comentar no meu blog UHHUAUHUAHUUHUAA

      Eu tbm gosto mto de temas espaciais, mas é difícil de me agradar, não sou fã de Star Wars, por exemplo!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: